HEPATITE ZERO – Projeto de Erradicação Mundial

HEPATITE ZERO

Projeto de Erradicação Mundial

img_1_31_4511

O Rotary Club de Marília realizou seu último projeto da gestão 2015-16, sob a presidência do companheiro Evandro Zaha Noda e esposa Gisele, a Campanha de Erradicação contra Hepatite em duas oportunidades: Feira Noturna, que concentra um grande número de pessoa, em 08/06/16 e 18/06/16, no entroncamento da Rua Nove de Julho com a Av.Tancredo Neves – centro de Marília “Símbolo de Amor e Liberdade”!

Esse trabalho foi realizado, graças à parceria com a Prefeitura Municipal, através da Secretaria da Saúde, que disponibilizou um grande número de enfermeiras, médicos e funcionários que atuavam dentro e fora do ônibus da Secretaria.

Nova Imagem (1)

A grande participação deveu-se a maciça divulgação pela imprensa escrita, falada e televisada, órgãos importantes para o sucesso desse projeto rotário.

Importante também, foi a presença de companheiros que distribuíam folders fornecidos pela Associação Brasileira dos Portadores de Hepatite (ABPH), convidando as pessoas para que fizessem o teste gratuito.

Nova Imagem (2)

É de se mostrar que essa parceria com o Rotary, conquistou o reconhecimento do Rotary Internacional que está mobilizando todos os Rotary Clubs do mundo.

Está de parabéns a Presidência e o Conselho Diretor, por terem concluído essa meta que encerrou a gestão 2015-16, com chave de ouro!

Parabéns, Presidente Evandro Noda!

:

Marília, junho de 2016.

Oswaldo Segamarcghi Filho

Comissão de Imagem Pública – Colaborador -2015-16

Mensagem do Governador 2015-16

Mensagem do Governador 2015-16

Gesner Dias Júnior, Governador do Distrito 4510 do Rotary International, se reunindo com dirigentes locais

Gesner Dias Júnior, Governador 2015-2016 do Distrito 4510 do Rotary International

Na última reunião ordinária do Rotary Club de Marília, 14/06, sob a presidência do companheiro Evandro Zaha Noda/Gisele, o clube foi brindado com a mensagem do GD Gesner Dias Junior, lida pelo companheiro Governador Assistente, Walter Freitas, do Rotary Club de Marília Quatro de Abril que, brilhantemente se fez portador das mensagens e orientações emanadas da Governadoria Distrital, objetivando o bom desempenho da Gestão 2015-16.

As palavras de incentivo e reconhecimento pelos trabalhos, projetos, enfim, pela realização e cumprimento das metas, Os agradecimentos que o clube recebeu, serviram para uma oportuna reflexão dos companheiros que, com certeza, retroagiram no tempo e avaliaram os percalços impostos por atitudes e atos, muitas vezes impensados que serviram não somente para promover o conhecimento e realçar o valor da superação das quimeras desgastantes sem, contudo conseguir desanimar quanto aos benefícios prestados às populações carentes, mantendo ativo o conceito que preconiza o primeiro lema rotário: “DAR de SI ANTES de PENSAR em SI.”.

Obrigado Governador Gesner, por ser um lídimo incentivador das realizações, objetivos e propostas do Rotary International, para o engrandecimento do glorioso Distrito 4510 e por nos propiciar sermos um ”Presente para o Mundo.”

Marília, junho de 2016

 

Caro companheiro governador Gesner

A robustez do Rotary Club de Marília, prestes a comemorar seu 80º Aniversário de fundação na cidade de Marília -“Simbolo de Amor e Liberdade”- 02 de setembro de 1936, tem muito a ver com uma sólida estrutura comparada a uma Nogueira ou a um Carvalho, isto devido ao seu denodado trabalho junto ao clube nesta gestão 2015-16, sob a presidência do não menos esforçado companheiro  Evando Zaha Noda e sua esposa Gisele, grande companheira , comprometida com as realizações do clube em prol da comunidade.
Vencida mais esta etapa rotária, queremos expressar ao digno governador, os melhores votos de agradecimento pela compreensão  e brilhante atuação, orientando e apoiando as atividades adrede projetadas pelo  Conselho Diretor do Rotary Club de Marília.
Esperando ter colaborado para o engrandecimento do glorioso Distrito Rotário 4510, renovamos nosso respeito e admiração!
Marília, junho de 2016
Por:
Oswaldo Segamarchi Filho
Comissão de Imagem Pública – Colaborador – 2015-16

..Meio Ambiente e o Rotary Club de Marília… uma parceira constante

..Meio Ambiente e o Rotary Club de Marília… uma parceira constante

meio-ambiente

 

Tema que vem sendo abordado pelo Rotary International em toda sua existência, conclamando os Rotary Clubs que atuam em 213 países e regiões, a empreenderem projetos, campanhas e toda sorte de alerta as populações sobre a necessidade premente de ser o Meio Ambiente protegido para salvaguarda da sobrevivência do Planeta Terra.

Exemplo deste enunciado foi o Projeto sugerido pelo Presidente do Rotary Club de Marília, empresário Luiz Antonio Repetti “-2009/2010 “Adote Uma Árvore”, desenvolvida pela Sub-Comissão Proteção ao Meio Ambiente desenvolvida pelo companheiro Carlos Cavalhieri Bassan, distribuindo 500 mudas de Ipê à população, como forma de incentivar seu plantio e cultivo, nas ruas, avenidas chácaras, praças, ao redor da cidade, uma vez que, na época da queda das flores nas avenidas, realça sua rara beleza, deixando matizes no chão que mereceram até matéria de televisão.

A convite do Presidente Dálvaro Girotto- gestão 2008/2009, o 1º Pelotão da Polícia Militar Ambiental de Marília, sob o comando do 2º Tenente PM, Everton Ricardo Messias e cabo PM Wagner Ferreira das Neves, proferiram uma palestra aos rotarianos e suas esposas no dia 21/10/2008, versando sobre Educação Ambiental, assunto este contido na Cartilha Ambiental para a Comunidade, destacando os temas: O meio ambiente é a nossa casa; o solo é uma fonte de alimentos que precisa ser conservada; mata ciliar e florestas protegem as águas, entre outros assuntos abordados com grande conhecimento.

Depreende-se que o Rotary International, tem como prioridade a preservação do meio ambiente, tanto que aderiu ao “Dia Mundial de Limpeza em Rios e Praias, convocando todos os clubes para uma tarefa comunitária que envolveu os sete clubes de Marília e outras organizações e juntamente com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente,  contou com o apoio do Corpo de Bombeiros que com mergulhadores procederam à limpeza do manancial da Represa Cascata enquanto que os rotarianos procediam à limpeza no seu entorno, lotando vários caminhões de entulho.

Outra atividade nesse sentido foi a regularização da Cooperativa de Trabalhadores Cidade Limpa (COTRACIL) que não existia juridicamente, demandando um grande trabalho de pesquisa desenvolvido pelo companheiro Dr. João Salgado Netto para conseguir documentos pertinentes que possibilitassem ao Rotary Club de Marília providenciar a doação de (2) dois caminhões equipados para essa finalidade,  através de uma parceria com o Rotary Club de Richmond dos Estados Unidos e entregues em solenidade pelo então Governador do Distrito 4510, Alonso Campoi Padilha Jr., juntamente com os companheiros Dr. Hilário Maldonado e Dr. João Salgado Netto, para fazer a coleta seletiva na cidade.

“Somos aquilo que acreditamos. Fazer a diferença no mundo é preciso refletir bem sobre nossos valores e não fugir à responsabilidade de colocá-los em prática.”

Publicação do companheiro Oswaldo Segamarchi Filho, comissão de imagem Pública em 05/04/2011

 

Por

Adhemar Barricelli Junior

Sócio Honorário do RCM

60ª. Assembleia Distrital

Assembleia Distrital do Rotary em Marília

UNIMAR – UNIVERSIDADE DE MARÍLIA – 04-06-2016

Valdeir Fagundes de Queiroz, é o instrutor distrital da gestão 2016-17 do Rotary na região centro oeste

Valdeir Fagundes de Queiroz, é o instrutor distrital da gestão 2016-17 do Rotary na região centro oeste

 

Mesmo com o tempo chuvoso, a presença dos rotarianos do Distrito 4510, foi deveras exuberante, ao ponto de o auditório da Unimar, embora com cadeiras nas laterais, não comportou grande número de companheiros presentes. A solução, diga-se, foi também deveras agradável, pois, o excedente permaneceu no saguão estavam as mesas para um “lauto café”, organizado pela equipe do companheiro Luiz Repetti e Laura e as mesas para recepção e informação do que ocorreria no evento.

Um fato que chamou a atenção de todos, foi a presença maciça do Interact e Rotaract, o que responde a orientação do GD Gesner Dias Junior, que em sua mensagem elogiou o comparecimento, colaborando assim, no sentido da renovação do quadro associativo dos clubes.

Na Sessão Plenária, os palestrantes abordaram temas atuais e de interesse de todos, visando sempre o aprimoramento dos serviços prestados às comunidades e a constante preocupação em alcançar em promover a compreensão e a conquista da paz mundial. A organização da Instrução Para Lideranças Distritais esteve impecável, pois, contou com a presença e atuação dos companheiros, dos EX-GD que deram sua contribuição para o importante evento no distrito.

É de se destacar as palavras da Facilitadora Eiko Suzuki Yamashiro sobre o papel da mulher para incrementar a atuação da Família Rotária nas ações da  Casa Amizade.

A distribuição das equipes em salas de aula na UNIMAR, obedeceu a um critério dinâmico, proporcionando aos presidentes de comissões um maior e melhor conhecimento das suas atividades no decorrer da gestão 2016-7, a colaborarem para o desenvolvimento dos conceitos e valores éticos preconizados pelo Rotary na comunidade em que atuam.

A presença do governador entrante, Wilson H. Yamashiro nas salas de trabalho, mostrou sua capacidade e vontade hercúlea de levar a bom termo as realizações do distrito, até agora colimadas de êxito, fazendo as comemorações dos 111 anos do Rotary, chegar ao mais alto píncaro da glória, para isso contará com o trabalho de todos os rotarianos – todos os dias-!

Por: Oswaldo Segamarchi Filho

Comissão de Imagem Pública – RCM – 05/06/16

Dia Mundial do Meio Ambiente

5 de junho – Um dia dedicado ao meio ambiente

Dia-Mundial-do-Meio-Ambiente

Criação do Dia Mundial do Meio Ambiente

O Dia Mundial do Meio Ambiente é comemorado todo dia 5 de junho de cada ano. Esta data foi estabelecida pela Assembléia Geral das Nações Unidas em 15 de dezembro de 1972, durante a Conferência de Estocolmo, que tratou do tema Ambiente. Foi durante esta conferência que foi aprovada também o Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente.

Objetivos

A criação desta data teve como objetivo principal a conscientização da população mundial sobre os temas ambientais, principalmente, aqueles que dizem respeito à preservação. Desta forma, a ONU procurou ampliar a atuação política e social voltada para os temas ambientais. Era intenção da ONU também, transformar as pessoas em agentes ativos da preservação e valorização do meio ambiente.

Importância e comemoração 

Nesta data, ocorrem diversos eventos no mundo todo. Palestras, campanhas educativas, documentários e eventos são realizados, em vários locais, com o propósito de despertar as pessoas para esta importante questão mundial.

Em muito países ocorrem acordos ambientais e definição de políticas voltadas para a proteção do meio ambiente.

Esta data é muito importante nas escolas, pois os alunos, em estágio de formação, podem desenvolver uma consciência ambiental que é fundamental para o futuro do planeta.

 

Por:Oswaldo Segamarchi Filho

Comissão de Imagem Pública RCM 2015-2016

O caminho continua: O Rotary está condenado a crescer

Rotary está condenado a crescer.

Informação Rotária – Reunião de 31  de agosto de 2010

6611842_HtWAY

“Se quisermos nossa organização ativa e útil à humanidade, prestando serviços, divulgando e praticando o postulado de alcançar a paz como conseqüência do estabelecimento de relações mutuamente benéficas, é preciso manter um quadro social forte e atuante”. (Eliseu Visconti Neto).

“Se a população está em constante crescimento, é necessário que o Rotary também cresça, pelo menos no mesmo ritmo do desenvolvimento populacional. É por isso que a conquista de novos sócios apresenta-se como estratégica imprescindível. Além disso, uma organização pouco representativa atrairá menos  interessados. Ninguém se sente motivado a se juntar a um grupo fracassado, pois o orgulho de figurar numa equipe forte é um dos  fatores importantes que levam as pessoas a aderir a um grupo.

PONTOS NEGATIVOS:

. O excesso de protocolos, cerimoniais, palmas e elogios mútuos durante as reuniões. Os mais jovens sentem-se enfadados e não têm paciência para xaropadas e formalismos exagerados, e estariam mais à vontade se as reuniões fossem mais despojadas e leves;

. Uma informação rotária fraca, pouco didática e repetitiva. Há companheiros que vão à tribuna e contentam-se em ler o “ABC do Rotary” e o “Manual de Procedimento” ou qualquer literatura, de forma mecânica e insossa. Acaba que ninguém dá atenção – e um instrumento fundamental como doutrinação cai no vazio. Mensalidades altas, que dificultam a adesão dos mais jovens (que estão começando sua vida profissional) e dos familiares, pois isso acarretaria um ônus pesado no orçamento. Além da mensalidade, existe ainda um desagradável hábito de correr listas de contribuições, rifas e convites para festejos, o que afugenta muitos sócios;

. Os projetos nem sempre contam com a participação dos sócios, e nem sempre são do seu conhecimento;

. O companheirismo fica muito restrito às reuniões, sem que se aprofundem laços interativos mais fortes entre os sócios;

“É preciso rever essas práticas com inteligência e coragem, pensando num Rotary que entra em seu segundo século exigindo mais dinamismo”.

O autor é o comp. Eliseu Visconti Neto,sócio do RC de P. Prudente-Leste – D.4510, publicado na Revista Brasil Rotário em setembro de 2006

 

Por: Oswaldo Segamarchi Filho

Comissão de Imagem Pública RCM 2015-2016

Um pouco do que o Rotary faz no Mundo

Projetos sem fronteira – Inst.Rotária “Fatiada” 24/05/2016b_500_0_16777215_00_images_Rotary2015

 

 Você sabia que?

1 – … Encontro com leões, girafas, elefantes, leopardos e rinocerontes não são fáceis mesmo para quem está fazendo safári na África. Ver estes majestosos animais torna-se ainda mais difícil para a maioria dos quenianos, que não tem dinheiro suficiente para pagar por tais aventuras e por visitas às reservas de seu próprio país.

2 – … “Estes animais costumavam vagar por todos os lugares, mas, por causa do aumento populacional e demanda por carne, estão desaparecendo”, diz Preston Mutinda, guia de safári em Kangundo, a cerca de 70 km da capital Naiaróbi. Em 2004, com o apoio do Rotary Club Troy, do Estado de Ohio, EUA, o guia abril o Centro Educacional da Vida Selvagem Mutinda, ocupando 8.000 m2 em Kagundo.

3 – … O Centro faz um trabalho semelhante ao do Brukne Nature Center, perto da cidade de Troy, onde Mutinda passou 3 mêses em 2001 graças a uma bolsa de estudos que recebeu do Rotary Club norte-americano. O Centro de Mutinda recebeu mais de 40 mil dólares do clube de Troy ao longo dos anos para financiar trabalhos de construção, aquisição de materiais e expansão de um programa educacional.

4 – … Agora os 20 mil visitantes anuais do centro podem assistir aos vídeos educativos e. É uma alegria observar a frenagem de uma criança quando vê um leão pela primeira vez, mesmo empalhado. Conclui. (Por Brad Weber) “O turismo de observação da vida selvagem representa 25% do PIB queniano”

5 – … No último mês de junho, 21 jovens selecionados por 21 distritos rotários, participaram de um programa eqüestre no sul da Hungria organizado pelo Rotary Club de Szekszárd. Esta atividade que ocorreu pelo 3º ano consecutivo, reuniu jovens de 15 a 22 anos de idade de países como Espanha, Taiwan, Islândia e Turquia para treinar habilidades equestres. “Os participantes do programa aprendem a andar a cavalo, fazem amizades e conhecem outras culturas, explica Pál Szrnka, presidente eleito do clube”.

6 – … A meningoencefalocele é uma herniação do cérebro e do tronco encefálico, geralmente caracterizada por protrusões na cabeça. A doença é rara em países desenvolvidos, mas ainda aflige muitas pessoas no Camboja e em outras regiões no Sudeste Asiático. A parceria com o Centro Cirúrgico Infantil daquele país, desde agosto de 2013 o Rotary Club de Phnom Penh já ajudou 60 pessoas com esta condição

7 – … Um pequeno grupo de rotarianos percorre vilarejos para identificar crianças e adultos com o problema, que tanto pode estar ligado a condições ambientais quanto ao consumo materno de arroz mofado no começo da gestação. 14 Rotary Clubs e 7 rotarianos do Reino Unido, Austrália, Japão e EUA prestam apoio nas cirurgias, que custam 800 dólares por pessoa.

8 – … Localizado na Ilha de São Cristóvão – que junto com ma Ilha de Névis compõe este país de 272 k2 e 51 mil habitantes no leste do mar do Caribe -, o Rotary Club de Liamiga tem celebrado em setembro o Dia n acional dos Heróis. Na data os moradores do asilo Sadders desfrutam de um almoço com pratos caseiros. “Os idosos se divertem ao conversar com mos jovens visitantes e alguns chegam até a dançar”. Diz alegremente Tuffida Stewart, a presidente do clube. Os rotaractianos sempre estão presentes nessas oportunidades

9 – … O Rotary Club de Tanum foi um dos primeiros apoiadores de Kailash Satyarthi, um ativista indiano que luta pelos direitos das crianças e dividiu o Premio Nobel da Paz de 2014 com Malala Yousadfzai. Dez anos atrás, o rotariano Krister Jansson e sua esposa, Nina, apresentaram o clube para Satyathi, que também é fundador da organização Bal Ashram, um centro de treinamento e reabilitação para vítimas de trabalho infantil no distrito de Jaipur, na Índia.

10 – … O clube financiou a abertura de um poço de mais 50 metros de profundidade que fornece água para todo o centro e o povoado vizinho. Na Páscoa de 2012, os rotarianos de Tanum visitaram a organização e lá assistiram a uma partida de futebol entre os meninos em Campo em péssimo estado. Então durante uma visita do ativista indiano à Suécia, o clube entregou a ele mais de 6.000 dólares para remodelar o campo de futebol. E oito meses depois, os associados suecos aplaudiram quando Satyarthi foi reconhecido pelo comitê Nobel.

 

Marília, maio de 2016

Comissão de Imagem Pública

Oswaldo Segamarchi Filho

Colabodrador

*Reconhecimento das atividades do Rotary*

59ª Conferência Distrital de 19 a 22/05/2016 em São Pedro

SENADOR-ALOYSIO-2

Em fevereiro de 2016, o Senado Federal, em Sessão Especial, a pedido do ilustre Senador José Serra, hoje Ministro das Relações Exteriores, autor do requerimento, para homenagear os 111 anos do Rotary,assim se referiu sobre a nossa organização: “O Rotary é o maior investidor do mundo em capital social.”

Nessa sessão, presidida pelo Senador Hélio José da Silva, encontravam-se os integrantes da alta direção da organização que também se manifestaram, ficando a cargo do Presidente Ravi Ravindran, do Rotary International fazer o pronunciamento conclusivo e o agradecimento pela homenagem.

Todos nós rotarianos nos regozijamos com esse acontecimento, proposto por uma da mais alta Corte da Legislatura Brasileira e, como se não bastasse essa honrosa manifestação federal, tivemos ainda, a prestigiosa presença do ilustre Senador da República, Aloysio Nunes, palestrando na 59ª. Conferência Distrital de 19 a 22/05/2016 em São Pedro, sobre o tema:*O Brasil de Hoje*

O encerramento da 59ª. Conferência Distrital – 4510 / Conferência da Família – Um Presente para o Mundo, contou com mais de 600 rotarianos presentes, tendo levado à tribuna o companheiro GD 2016-17,Wilson Hironobu Yamashiro, para os cumprimentos aos organizadores e participantes pelo sucesso do evento.

 

Marília, maio de 2016

Comissão de Imagem Pública

Oswaldo Segamarchi Filho

Colabodrador

Ilustre visita ao nosso clube EGD Alonso Campoi e esposa Vânia

lustre visita ao nosso clube e a lembrança e saudade demonstrada  do nosso  inesquecível companheiro Dr. Hilário Maldonado.

 

Pres. 2015-2016 Evandro e esposa Gisele

Presidente RCM 2015-2016 Evandro e esposa Gisele

O presidente do Rotary Club de Marília, Evandro Z. Noda e seu Conselho Diretor, receberam ilustres visitantes na reunião de 17/05/2016, o Ex-Governador Alonso Campoi e esposa Vania, acompanhados do Governador 2016-17, Wilson H. Yamashiro e esposa Eiko que recepcionaram o companheiro do Rotary Club Tradição, Vanderlei Quexaba, contando ainda com a presença do companheiro Adalberto Dezotti de Oliveira, atual Governador Assistente.

 

wilson e eiko 2

Governador 2016-2017 Wilson e esposa Eiko

Como sempre, o governador Campoi, atencioso e  solícito, fez breves comentários sobre sua função no RI e de suas andanças pelo mundo rotário, acompanhando os intercambiários a obterem o sucesso desejado.

Fez um parênteses no seu relato para dizer que sente saudade do companheiro Hilário, o qual conheceu muito bem e sabe do seu empenho quando  Presidente do Clube de Marília e médico muito bem conceituado na sua atividade aqui e no exterior.

 

alonso

EGD Alonso Campoi e esposa Vania

Para salvaguardar essa sua imagem, o companheiro signatário, falou sobre a homenagem “In memoriam” que o clube prestou ao insigne – Mestre –  denominação que costumava tratar os companheiros,  quando o jornal da cidade noticiou que o Poder Legislativo de Marília, através do edil Luiz Nardi apresentou um projeto que denominaria Dr. Hilário Maldonado, uma Unidade de Saúde de Marília-USF.. Repercutimos essa notícia nos clubes da cidade.

 Marília, 18 de maio de 2016

 

Por:

Oswaldo Segamarchi Filho

Comissão de Imagem Pública do RCM

“O Caminho da Ética”

“O Caminho da Ética”

etica1

.
e9b3440c503fbdd3e013b81b1e68b5d9423e93e1
O artigo  “O Caminho da Ética”, é de autoria  de João Marcio  Souza, economista, pós-graduado em finanças e fundador da Talenses, empresa de recrutamento executivo, publicado na revista VOCÊ S/A – Edição Especial ” EDUCAÇÃO EXECUTIVA”, que aborda um dos princípios básicos que norteiam as atividade rotárias

 

Você sabia que?

1 – “Para o Brasil mudar sua cultura de corrupção, é preciso que as lideranças valorizem não apenas os resultados, mas a trilha percorrida para alcançar os objetivos”. (João Marcio Souza – economista-pós-graduado em finanças, é autor do enunciado acima na Revista “Você S/A em edição Especial – Educação Executiva –”).

Quem devemos responsabilizar pelo fato de o Brasil ser o eterno país do futuro, mas acordar sempre com a mesma nação empobrecida e submissa a um sistema retrógrado de governo.

2 – … Talvez seja possível atribuir essa responsabilidade à conduta incorreta de nossos líderes, estampada nas manchetes dos veículos de imprensa locais e internacionais que noticiam a maior crise da história do país. Mas em uma palestra, ao escutar o grande professor Mario Sergio Cortella dizer que “ÉTICA É O CONJUNTO DE VALORES E PRINCÍPIOS QUE NORTEIAM A CONDUTA”, me perguntei quais valores e princípios que norteiam o Brasil e seu mercado de trabalho.

3 – … Em uma nação que nasceu da dificuldade, o crescimento é uma forma de provar seu valor e sua importância perante a sociedade. E o preço para subir na escada da vida – seja ela sua carreira ou status social – muitas vezes é alto.

4 – … Há 15 anos atuando no campo de recrutamento e seleção de profissionais, meu trabalho é analisar pessoas e suas trajetórias e ajudá-las a traçar soluções para chegar onde querem em sua carreira. Tendo isso em vista, traço um paralelo da situação política do Brasil com o que vejo no mercado de trabalho. Ambos, por vezes, transformam o país em um grande balcão de negócios, visando a atingir objetivos individuais e partidários.

5 – … Vemos um descontentamento muito grande das pessoas com a política, mas é preciso lembrar que a cultura do “jeitinho brasileiro” está arraigada em cada um de nós: no mínimo esforço , nos pequenos atos de corrupção, na vantagem. Ao longo dos muitos anos que tive a oportunidade de contratar, treinar e reconhecer profissionais pelo mérito alcançado, aprendi a importância de lideranças que inspiram pelo exemplo e de empresas que valorizam não apenas o resultado mas a forma como ele é atingido.

6 – … Temos de nos policiar para seguir sempre em direção ao caminho correto, mesmo quando todos parecem ir pelos atalhos. Esse processo transformador de cultura pode acontecer em qualquer ecossistema que tenha indivíduos com vontade de fazer com que o que é certo prevaleça invariavelmente. Só assim poderemos criar uma cultura sólida, que valorize os cifrões apenas quando eles forem entregues com retidão. Só assim chegaremos a um circulo virtuoso da ÉTICA.

7 – … Depreende-se desta matéria, que os princípios que o Rotary pratica nas suas reformulações, necessárias para acompanhar o crescimento da população, e com ele, também crescem, os problemas e as dificuldades em se praticar condutas éticas.

A grande meta do Rotary é incentivar os futuros e atuais rotarianos, considerados líderes na sua profissão, para o exercício constante dos princípios rotários de cidadãos como o professor Mario Sergio Cortella que assim define Ética: “É o conjunto de valores e princípios que norteiam a conduta dos homens com propósito de promover o bem estar da comunidade em que atuam.”

8- “Junte-se a líderes ou troque idéias ou entre em ação”

 

Uma organização só terá crescimento, quando os “Egos, Inveja e Ciúmes” não existirem mais…

(Autor desconhecido)

 

Por:

Oswaldo Segamarchi Filho

Comissão de Imagem Pública do RCM

Slideshow

Lema Rotário 2015-2016

Lema Rotário 2015-2016

→ Reuniões Semanais

Terças-feiras ás 20:00h

Local: Sede Rotary Club de Marília
Endereço: Av. Brigadeiro Eduardo Gomes, 3255

Contador de Visitas